Início COTIDIANO Funcionário morre de infarto e supermercado trata corpo com desleixo

Funcionário morre de infarto e supermercado trata corpo com desleixo

1
0

Um representante de vendas morreu enquanto trabalhava em um supermercado da rede Carrefour no Recife, e teve o corpo coberto com guarda-sóis e cercado por caixas de papelão, engradados de cerveja e tapumes improvisados entre as gôndolas.

Ele atuava como representante de vendas de uma empresa de alimentos fornecedora e não era funcionário do Carrefour, mas estava no local a trabalho.

Na quarta 19/08, a empresa disse não ter encontrado a forma correta de proteger o corpo do trabalhador.

Funcionários e clientes que estavam no supermercado disseram que o estabelecimento permaneceu funcionado normalmente.

O Carrefour identificou o homem como Moisés Santos e disse, em nota, que a causa da morte foi infarto.

A esposa do promotor, no entanto, afirmou que o nome dele era Manoel Moisés Cavalcante.

O caso aconteceu na sexta-feira 14/08, no bairro da Torre, na Zona Oeste da capital pernambucana, mas ganhou repercussão na terça-feira 18/08, após internautas reagirem com indignação nas redes sociais.

G1 RECIFE

Artigo anteriorO Maranhão alcançou a marca de 139.185 casos confirmados de Covid-19
Próximo artigoVídeo: Incêndio em apartamento na ilha de São Luís, desespero
Jornalismo Faculdade Estácio MA Especialistas em Marketing Digital RP -19-03MA Blogueira por paixão

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui