Início Sem categoria Estudantes da rede municipal participam de aula de educação ambiental no Parque...

Estudantes da rede municipal participam de aula de educação ambiental no Parque Botânico da Vale

0
0
ff
Estudantes da rede municipal participam de aula de educação ambiental no Parque Botânico da Vale

Mais de 40 estudantes do 4º e 5º ano da Unidade de Educação Básica (U.E.B.) Piancó, localizada na área Itaqui-Bacanga, participaram na última semana, de uma aula prática de educação ambiental no Parque Botânico da Vale. Eles foram divididos em dois grupos para participar das trilhas ecológicas ‘Restauração Florestal’ e a trilha do ‘Angelim’. Em todo o percurso, os assistentes de Meio Ambiente do parque falaram das várias espécies de árvores nativas preservadas na área e também dos tipos de animais silvestres que vivem no local.

A aventura dos estudantes da U.E.B. Piancó no Parque Botânico da Vale teve início na terça-feira, dia 16, sendo encerrada na sexta-feira (19), com o passeio pelas trilhas. Foram quatro dias de um trabalho de estímulo a mudanças de pensamentos, práticas e posturas com relação ao meio ambiente. O secretário Municipal de Educação (Semed), Moacir Feitosa, explicou que a iniciativa é parte do Programa de Educação Ambiental da Prefeitura de São Luís, por meio da Semed, em parceria com o Parque Botânico.

Ele destacou que a parceria visa motivar os estudantes a se tornarem protagonistas de mudanças em suas escolas e comunidades, com a construção de projetos com foco na biodiversidade, na preservação da água, na sustentabilidade e outros para a preservação do meio ambiente. “As aulas práticas ajudam a consolidar o conteúdo que é repassado pelo professor em sala de aula, promovendo uma vivência real para o estudante, que passa a se ver como protagonista das mudanças que precisam ser operadas no ambiente escolar e em sua comunidade, para a preservação da natureza. É uma parceria que visa o desenvolvimento integral do estudante, e faz parte da política educacional assumida pelo prefeito Edivaldo”, destacou Moacir.

Nos quatro dias de visita ao Parque Botânico, a técnica formadora da Semed Themis Matos conta que os assistentes de educação ambiental falaram aos estudantes sobre Resíduos, Água, Ar, Energia, Biodiversidade e Sustentabilidade. Cada dia foi desenvolvida uma temática diferente. O objetivo é que os estudantes passem a trabalhar na escola e na comunidade um projeto de preservação que valorize o espaço e os recursos naturais existentes. Os próprios estudantes vão escolher a temática a ser trabalhada no espaço escolar e entorno. Segundo Themis, geralmente os estudantes escolhem os projetos de horta escolar, reciclagem de resíduos sólidos ou de construção de parquinhos ecológicos de pneus e outros objetos recicláveis.

Os estudantes também são responsáveis por multiplicar as informações recebidas nas formações para os demais colegas da escola, para que todos participem do projeto durante o ano, informou o professor Josean da Silva Santos, do 4º ano na U.E.B. Piancó. Foi ele que acompanhou os estudantes durante os quatro dias de visita ao Parque Botânico. A partir da próxima semana as ações do projeto serão também trabalhadas na escola. O professor explicou que o primeiro passo é conversar com os estudantes e planejar as ações a serem desenvolvidas. Tanto o professor quanto os alunos irão contar com o apoio da Semed e dos assistentes de meio ambiente do Parque Botânico para desenvolver o projeto.

As diversas espécies de árvores nativas, entre elas o Buriti, o Barbatimão e o Ingá Vermelho; foram mostrados aos alunos pelos assistentes de Meio Ambiente Paulo Alencar e Ana Cleide. Foram eles também que conversaram com os alunos e orientaram sobre como devem a partir de agora prosseguir com o projeto de educação ambiental na escola.

A pequena Yasmin, do 4º ano, que completava 9 anos no dia do passeio, disse que para ela foi o melhor presente de aniversário. “Foi muito legal visitar o parque ecológico e fazer novos amigos. Aqui é tudo muito bonito”. Também estava muito feliz e entusiasmado o estudante Marcos Vinicius Victor Sousa, do 5º ano. “Gostei muito de ter vindo. Ainda não conhecia este lugar. Estou ansioso para contar pros meus colegas a experiência nova que eu tive aqui”.

Artigo anteriorGaleria Trapiche mantém em cartaz segunda edição da exposição Ocupação Trapiche
Próximo artigoO vereador Umbelino Jr apresentou nesta segunda-feira o Projeto de Lei n 042/2017 que dispõe, no âmbito Municipal de São Luís a concessão de passagem gratuita.
Jornalismo Faculdade Estácio MA Especialistas em Marketing Digital RP -19-03MA Blogueira por paixão

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui